sexta-feira, 29 de junho de 2012

Hoje é dia de São Pedro!



São Pedro, homem de origem humilde, foi apóstolo de Cristo e fundador da Igreja Católica. É considerado o protetor das viúvas e pescadores. Depois de sua morte, como manda a tradição Católica, São Pedro foi nomeado o chaveiro do céu e, também, lhe deram a responsabilidade de fazer chover. Quem nunca escutou a Avó falar enquanto troveja: é São Pedro mudando os móveis de lugar! Hoje em sua homenagem, é tradição acender fogueiras e queimar fogos. Além de erguer mastros com sua bandeira e procissões que são feitas.


Eu lhes desejo um ótimo São Pedro!

quinta-feira, 28 de junho de 2012

Sivaldo Albino de novo na TV hoje



Encerram-se hoje as inserções partidárias na Rádio e TV em todo Brasil. O PPS de Pernambuco num gesto de prestígio disponibilizou para o Vereador Sivaldo Albino 120 inserções nas TV ASA BRANCA (Globo), TV PERNAMBUCO e TV JORNAL (SBT).

Isso prova a confiança, prestígio e credibilidade que o Vereador Garanhuense tem junto a Direção Estadual do Partido Pós Comunista.

Quem não teve a oportunidade de ver pode conferir logo mais entre os horários das 19hs e 22hs nas TV ASA BRANCA (Globo), TV PERNAMBUCO e TV JORNAL (SBT) e as emissoras de Rádio de Garanhuns.  

video

video

Só pressão popular faz Congresso agir mais rápido

Blog Magno Martins

A inquietação e descrenta da população em relação a medidas punitivas por parte do Congresso contra infratores em casos como o escânda do Cachoeira e o processo envolvendo o senador Demóstenes Torres começa a surtir efeito entre os congressistas. Tanto é que o Senado resolveu enfim apressar as coisas e marcou para o próximo dia 11 de julho a votação do processo de cassação do senador Demóstenes Torres (sem partido-GO) no plenário da Casa. Com o aval de líderes partidários, o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), vai acelerar a tramitação do caso para que a decisão final sobre a perda de mandato do senador ocorra antes do recesso parlamentar de julho.

Jorge Ben Jor substitui Ney Matogrosso no encerramento do FIG

JC Online



c393af08684682ab9eef99ff363464a3.jpg
A programação do Festival de Inverno de Garanhuns (FIG) já conta com algumas alterações na sua grade de atrações. O evento, que acontece de 12 a 21 de julho, não terá mais o cantor Ney Matogrosso na festa de encerramento. De acordo com a produção de Ney, o artista cancelou a participação dele no evento alegando problemas pessoais. No lugar do cantor, o público poderá assistir ao show do cantor Jorge Ben Jor, no sábado (21/7), às 23h30, no Palco Guadalajara.

A Secretaria de Cultura e a Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe) também informa que mais duas mudanças aconteceram na programação do Palco Pop, localizado no Parque Euclides Dourado. As bandas 5 a Seco e Funk Como Le Gusta cancelaram seus shows e no lugar delas foram escaladas a Delicatessen (RS), que se apresenta na quarta-feira (18/7), e a Cérebro Eletrônico (SP), que faz show na sexta-feira (20/7).

Eduardo contra Lula

Blog Magno Martins


O presidente estadual do PP, Eduardo da Fonte, ouviu, ontem, do ex-presidente Lula, por diversas vezes, durante uma conversa de uma hora, que no Recife só terá um candidato a prefeito: o senador Humberto Costa (PT).
Com isso, é possível de antemão prever uma disputa na capital entre duas potências. De um lado Lula, que em seu governo transformou o Estado num canteiro de obras, e de outro o governador Eduardo Campos (PSB), que vai testar o seu capital político e eleitoral reeditando a velha tese do andor com a candidatura do secretário licenciado do Desenvolvimento, Geraldo Júlio.
Trata-se de um cenário nunca imaginado. Afinal, até há menos de 15 dias, Lula e Eduardo eram tão próximos, tão afinados, tão entendidos e entrosados que Lula certa vez disse que o tinha como filho. E o apontava como uma espécie de sucessor no cenário nacional. Quem é mais forte no Recife: Lula ou Eduardo?
Saberemos com o resultado das eleições. O ex-presidente é quase que um santo para os pernambucanos e não está apoiando um nome desconhecido, mas um senador da República com serviços prestados ao partido, ao Estado e ao País.
Eduardo, por sua vez, é o fato novo da cena nacional. E resolveu apostar todas as fichas na sua popularidade para derrotar o PT, criar um sucessor e, consequentemente, derrotar Lula. Se conseguir tal façanha, estará credenciado para o voo nacional, com o qual sonha acordado.

terça-feira, 26 de junho de 2012

PROJETO DE SIVALDO ALBINO QUE INCLUI NA GRADE CURRICULAR DE ENSINO DE GARANHUNS A MATÉRIA “HISTÓRIA DE GARANHUNS” É APROVADA



O Projeto de Lei nº 034/2012 de autoria do Vereador Sivaldo Albino (PPS) que inclui na grade curricular de ensino público de Garanhuns foi aprovada Por unanimidade em segunda votação hoje no plenário da Câmara Municipal de Garanhuns.

O Projeto obriga a Secretária de Educação do Município a incluir dentro da Matéria de História,  a História do Município de Garanhuns, promovendo o conhecimento para os nossos jovens desde a nossa emancipação até os dias atuais, para que possamos saber as nossas origens e promover uma maior auto estima para nossos moradores.

O Projeto segue agora para sanção do Prefeito e sua publicação e entrará em vigor a partir de janeiro de 2014.

Então os próximos gestores, o Secretário de Educação e o Prefeito de Garanhuns terão o ano todo de 2013, para se organizarem para implantar esse tema, na Matéria de História da Rede Municipal de Ensino.

PROJETO DE SIVALDO ALBINO QUE OBRIGA O USO DAS CORES DA BANDEIRA DE GARANHUNS NOS PRÉDIOS E LOGRADOUROS PÚBLICOS É APROVADO



Projeto de Lei nº 029/2012 de autoria do Vereador Sivaldo Albino (PPS) que obriga a Administração Pública a utilizar as cores da bandeira de Garanhuns nos prédios e logradouros público foi aprovado por unanimidade na 18ª Reunião ordinária realizada na manhã de hoje no plenário da Câmara Municipal de Garanhuns.

O Projeto estabelece a obrigatoriedade do uso das cores da bandeira de Garanhuns – branco, vermelho, azul e preto – nos prédios e logradouros públicos. Será utilizado também o Brasão (símbolo oficial do nosso município) nos referidos espaços.

O Projeto aprovado define como prédios públicos todos aqueles pertencentes à administração pública, como também os que estiverem alugados para servir à Prefeitura. Logradouros são as ruas, avenidas e praças existentes no território urbano e rural de Garanhuns.

O Projeto foi aprovado e seguirá para sanção do prefeito, após a sanção e publicação o Executivo, a Lei entrará em vigor a partir de 01 de Janeiro de 2013, e o próximo Prefeito terá o prazo de um ano para se adequar a nova Lei.  

Programação do Festival de Inverno de Garanhuns 2012


QUINTA dia 12:  
Homenagem a Gonzagão.
Mourinha do Forró
Família Gonzaga
Elba Ramalho
Dominguinhos
Projeto Viva Gonzagão.

SEXTA dia 13:
 
Escravo
 
Bixiga 70
   
Zélia Duncan
Zizi Possi

SÁBADO dia 14:
Hercinho
Orquestra Popular da Bomba do Hemetério
Academia da Berlinda
Roberta Miranda
Alcione
   

DOMINGO dia 15:
La Pietá
Neli Lisboa
Siba Lira
Jorge Vercillo

SEGUNDA dia 16:
Lucas Notaro e os Corajosos
Di Mello e Madeira de Lei
Mombojó
China
Roberta Sá

TERÇA dia 17:
Rogério e os Cabra
Maciel Salu
Herbert Lucena
Lula Queiroga
Renato Teixera, Xangay e Maciel Melo

QUARTA dia 18:
Karla Rafaella
Karina Spinelli
Perícles
Fundo de Quintal

QUINTA dia 19:
Banda Flash
Volver
Ortinho
Reginaldo Rossi
Erasmo carlos

SEXTA dia 20:
Lux Time
Antúlio Madureira
Marcelo Jeneci
Lenine
Milton Nascimento

SÁBADO dia 21:
Andrea Amorim
Edgar Scandurra
Ney Matogrosso
Lulu Santos.

Apoio do PMDB ao PSB não causa surpresa à oposição

Blog Magno Martins


O apoio do PMDB ao PSB para as eleições municipais do Recife não causou surpresa à oposição. O pré-candidato do PPS, Raul Jungmann, que aguardava, desde cedo, uma reunião em São Paulo com o senador Jarbas Vasconcelos (PMDB), para ouvi-lo quanto à possibilidade dessa aproximação, reconheceu que o fato já estava sacramentado. “Isso já estava escrito nas estrelas. A surpresa foi só pela rapidez”, declarou.

Raul Jungmann lembrou que o próprio Jarbas Vasconcelos já havia colocado como condição para um possível apoio eleitoral do seu partido ao PSB o afastamento do governador Eduardo Campos do PT. “Jarbas já havia dito que o deslocamento do PSB do PT o faria se aproximar de Eduardo. Vejo isso como uma escolha do PMDB em função de uma questão nacional. O PMDB privilegiou o cenário nacional de 2014”, avaliou.

O prefeiturável do PPS acredita que o episódio irá fragilizar a oposição, o que, na sua opinião, não significa inviabilizar uma chegada do bloco oposicionista ao segundo turno das eleições. “Perdemos um partido importante no nosso campo, mas ainda temos condições de marchar rumo a um segundo turno. Isso não é impossível”. Ele disse que o PPS se manterá na oposição e buscará a unidade com as demais siglas, mantendo, inclusive, sua candidatura.
Daniel Coelho, pré-candidado a prefeito pelo PSDB, por sua vez, se mostrou indiferente. Avaliou que a atitude reforça a tese de que não há mais blocos em Recife. “Há projetos individuais dos partidos para serem avaliados pela população”, resumiu. O tucano acrescentou que já coligou com o PTdoB e que nos próximos dias anunciaria mais um apoio à sua candidatura.

Ficha suja pode ter hoje sinal verde para se candidatar

Blog Magno Martins


Notícia não muito agradável para o mundo político (parte dele) trazVera Magalhães, na sua coluna de hoje, na Folha de S.Paulo:
''O TSE deve revogar hoje resolução que torna inelegíveis os candidatos que tiveram contas de campanhas rejeitadas. Os partidos recorreram da decisão do tribunal e, com a troca de Ricardo Lewandowski por José Antonio Dias Toffoli, a previsão é de placar de 4 x 3 para liberar os "contas sujas".

segunda-feira, 25 de junho de 2012

Senado vota hoje processo de cassação de Demóstenes

Blog Magno Martins

O Conselho de Ética e Decoro Parlamentar do Senado votará nesta segunda-feira (25/6) o relatório do processo disciplinar contra o senador Demóstenes Torres (sem partido-GO). O parlamentar está sendo processado, com base em denúncia do PSOL, por suposto envolvimento com a organização do contraventor Carlinhos Cachoeira, acusado de comandar um esquema de jogo ilegal e corrupção de agentes públicos.

O voto do relator, senador Humberto Costa(PT-PE) só será conhecido nesta segunda-feira.
Caso o relator recomende a cassação de Demóstenes Torres, o parecer do Conselho de Ética será encaminhado à Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) para exame dos aspectos constitucional, legal e jurídico, o que deverá ser feito no prazo de cinco sessões ordinárias. A partir daí, o documento será votado pelo Plenário, em processo secreto de votação. A expectativa do relator é de que a votação em plenário se dê antes do início do recesso parlamentar, previsto para o dia 17 de julho.

Justiça de São Paulo acaba com o auxílio-paletó para deputado. Justiça local continua no muro

Blog do Jamildo

A Justiça de São Paulo acabou com o pagamento do auxílio-paletó, nome dado ao benefício pago anualmente aos deputados da Assembleia Legislativa do Estado. A decisão foi tomada na quinta-feira pelo juiz Luis Fernando Camargo de Barros Vidal, da 3ª Vara de Fazenda Pública, após ação do Ministério Público Estadual.

A ajuda de custo, como é chamada oficialmente, já estava suspensa desde novembro do ano passado por liminar do mesmo juiz. Além do salário de R$ 20 mil mensais, os deputados recebiam o equivalente ao 14º e ao 15º salários.


O benefício surgiu com o argumento de que os deputados precisavam de dinheiro extra para renovar o guarda-roupa. Mas eles não precisavam prestar contas de como o dinheiro era gasto.


A Assembleia pode recorrer da decisão, que é de primeira instância, mas ainda não decidiu se vai fazê-lo.

Presidente do STF adverte colega: atraso no mensalão

Blog Magno Martins

O presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Carlos Ayres Britto, enviou ofício ao ministro Ricardo Lewandowski advertindo que ele precisa devolver hoje a revisão do processo do mensalão para que o julgamento comece no dia 1º de agosto, segundo a Folha de S.Paulo desta segunda-feeira. Na prática, o presidente do STF cobra pressa do colega de corte para que o calendário do principal julgamento do ano seja obedecido. Britto tomou essa iniciativa na noite de quinta-feira depois de tentar, sem sucesso, conversar com Lewandowski sobre o assunto naquele dia. A atitude do presidente do Supremo, segundo ministros, é incomum no dia a dia da corte, mas se tornou necessária devido ao risco de atraso. Lewandowski tem reclamado nos bastidores da pressão interna que sofre dos colegas para correr com o caso.

sexta-feira, 22 de junho de 2012

Abaixo a ditadura dos partidos!

Blog Inaldo Sampaio


Antes dos governos militares, havia no Brasil partidos sólidos e com raízes na sociedade. O PSD, a UDN, o PTB e o PCB eram partidos autênticos e com bandeiras definidas. A ditadura cometeu a burrice de extingui-los e de lá para cá não tivemos mais partidos que sejam dignos deste nome, à exceção talvez do PT. Isso tem sido constatado por pesquisas de opinião. O PT normalmente aparece com 15% das preferências da população e as outras legendas com percentuais ínfimos.
No entanto, a característica de todos eles é o autoritarismo. As cúpulas não se interessam mais por diretórios definitivos, e sim por comissões provisórias, que podem ser dissolvidas a qualquer momento pela vontade discricionária do presidente regional. Cria-se uma comissão provisória com cinco membros, muitas vezes de uma mesma família, e ela representa o “partido” no município. No dia que contrariar o interesse da direção regional, ela é dissolvida e substituída por outra.
Foi isso o que ocorreu em Petrolina. A mulher do deputado Odacy Amorim formou o PP no município e o direcionou para a chapa do marido, que é candidato a prefeito pelo PT. Mas aí a direção estadual interveio, dissolveu a executiva e a redirecionou para o PSB. Como ter partidos sólidos e enraizados desse jeito, se pela vontade de uma única pessoa as cédulas municipais poderão ser extintas? No entanto, como esse modelo ditatorial interessa a todos, ninguém se mexe para revogá-lo.

Em carta, PSB confirma nome de Geraldo Júlio à PCR

Blog da Folha

Em uma carta endereçada aos presidentes dos partidos que integram a Frente Popular, o PSB do governador Eduardo Campos confirma o nome do ex-secretário Geraldo Júlio para disputar à Prefeitura do Recife (PCR). O texto ressalta que a postulação do socialista, representando o conjunto de forças governistas, tem chances de dar vitória à coalizão nesta próxima eleição. O documento frisou que a candidatura nasceu da responsabilidade de garantir a integridade da Frente, haja vista o “risco iminente de fragmentação” dos partidos que integram a base de Eduardo.

Convenções devem esvaziar o Congresso

Blog Magno Martins


Com a reta final das convenções municipais para as eleições deste ano, o recesso branco previsto para esta semana no Congresso deve se repetir na semana que vem, segundo o Poder Online.

A Câmara dificilmente terá deputados suficientes para realizar votações em plenário nesta terça e quarta-feira. A Casa credenciou 127 parlamentares para participar da Rio+20, no Rio de Janeiro.

Somados aos deputados das regiões Norte e Nordeste, onde acontecem as tradicionais festas juninas, o quorum está completamente esvaziado no Congresso.


quinta-feira, 21 de junho de 2012

Sivaldo Albino estará hoje nas inserções do PPS em horário nobre


A partir desta quinta-feira (21), o PPS de Pernambuco fará inserções comerciais na Rádio e  TV, onde serão veiculados nas TV ASA BRANCA, TV JORNAL (SBT) e TV PERNAMBUCO dois vídeos apresentados por Sivaldo Albino. Serão 10 inserções diárias, e serão realizadas nos dias 21, 23, 26 e 28 Junho, entre os horários das 19Hs até 22Hs, além de ser apresentados em todas as Rádios de Garanhuns.

Confira abaixo os vídeos que serão vinculados




PPS lança inserções comerciais

Blog Magno Martins


A partir desta quinta-feira (21), o PPS de Pernambuco fará inserções comerciais na TV, onde serão veiculados dois vídeos apresentados por Raul Jungmann, pré-candidato do partido na disputa pela Prefeitura do Recife. 

Nos vídeos, são abordados temas como segurança, mobilidade, saúde e educação, sendo enfatizados os problemas que a população recifense enfrenta diariamente no trânsito. Jungmann oferece as propostas do PPS para o eleitor pernambucano, e frisa que ele e o partido pretendem por 'ordem na desordem'.






TSE aprova regras da propaganda eleitoral

Blog da Folha


O TSE aprovou a resolução que determina as regras para a propaganda eleitoral gratuita no rádio e na TV, que começa no dia 21 de agosto. As exibições seguem até 4 de outubro, três dias antes do primeiro turno, e nas cidade que chegarem à segunda votação haverá um novo período entre 13 e 26 de outubro.
O documento determina que a partir do dia 8 os juízes eleitorais reúnam emissoras e partidos para criarem um plano de mídia. As emissoras podem se unir e criar um grupo, onde uma delas gera o sinal e as demais o replicam. Nesse caso, a geradora é que determina qual o formato em que as propagandas devem ser entregues para a reprodução – o prazo para essa definição é 1° de agosto.
Os partidos ou coligações têm até quatro horas antes do horário para entregar a mídia – fita, CD, pen-drive, dependendo do que a geradora determinar – com o programa daquele dia. Se a legenda não cumprir o prazo, ou se por algum motivo o programa não funcionar, TVs e rádios devem reapresentar o último programa entregue em tempo ou entregue funcionando.

Se uma emissora não transmitir a propaganda gratuita – seja a do dia, seja a última entregue e aceitável -, o juiz eleitoral pode mandar que o referido programa seja exibido no meio da grade regular, e não apenas no horário reservado à programação eleitoral. Além disso, o juiz também pode intimar os representantes da emissora e ajuizar ação para apurar responsabilidades e eventuais abusos.

Todas as rádios, incluindo as comunitárias, devem transmitir o programa eleitoral gratuito. No caso das emissoras de TV, a obrigatoriedade é para as que transmitem em VHF e UHF, e também para as de canal pago que são de responsabilidade de câmaras municipais.
Partidos ou coligações têm até 15 de agosto para indicar a cada emissora ou grupo em que se reunirem quem são as pessoas autorizadas para entregar as mídias com a propaganda do dia. A entrega deve ser feita com um protocolo em duas vias – uma da emissora ou grupo, e outra do partido ou coligação.

A vitória de Dilma não fez bem a Lula

Blog Inaldo Sampaio


A eleição de Dilma Rousseff para presidente da República fez um mal danado ao seu antecessor. É que, tendo bancado sozinho dentro do PT a indicação dela para concorrer à sua sucessão, Lula passou a se achar um semideus. Ora, deve ter pensado com os seus botões, se eu “elegi” Dilma, que nunca havia disputado uma eleição, tenho força política para pôr Fernando Haddad na prefeitura de São Paulo e estou legitimado para fazer as alianças necessárias, inclusive com Maluf.
A menos que o tratamento contra o câncer tenha interferido no bom senso do ex-presidente, ele tem cometido um erro atrás do outro, para não se dizer coisa pior. A escolha de Haddad em si já foi um erro, dado que o PT tinha candidato mais forte como Eduardo ou Marta Suplicy. E sua ida à mansão de Maluf para receber o apoio do PP foi um erro ainda maior. Uma coisa era Maluf ter ido ao Instituto Lula oferecer o apoio do PP ao PT. E outra muito diferente foi Lula ter ido à casa dele.
A aliança Lula-Maluf foi algo tão inusitado que tirou Erundina da chapa petista. Não que seja algo incomum a reconciliação de adversários. Mas é que o PT ao longo de sua história elegeu Maluf como símbolo da corrupção. Como aceitar agora esse cidadão no palanque de Haddad? Erro pior só a declaração de Lula ao programa do Ratinho segundo a qual “eu não vou permitir que um tucano volte à presidência”. Se tivesse dito que “o povo brasileiro” não vai permitir”, vá lá. Mas “eu”?

Bastidores sanguinolentos

Blog Magno Martins


É maior e mais sanguinolenta a briga entre PSB e PT em Pernambuco, provocado pelo racha no Recife pela decisão do governador de lançar candidato próprio a prefeito. Nos bastidores, o clima é de guerra. E as consequências começam a respingar em todo Estado.
Sabendo da movimentação do governador em isolar o PT, forçando Humberto a montar uma chapa puro-sangue, um emissário do senador deixar vazar, ontem, que haverá troco. Em Olinda, por exemplo, o PT, que já havia fechado com a reeleição de Renildo Calheiros (PCdoB), pode recuar e lançar candidato próprio. A mais cotada é a deputada Teresa Leitão.
Em Paulista, onde o PT também candidato próprio – deputado estadual Sérgio Leite – forças mobilizadas pelo governador estão levando todos os partidos da Frente Popular ao alinhamento automático à candidatura do socialista Júnior Matuto, para isolar Leite.
Em Petrolina, o candidato do PT, Odacy Amorim, já foi apunhalado. Perdeu o apoio do PP, que tinha como presidente da comissão provisória a sua mulher. O que se diz, ainda, é que governador irá tirar ainda todos os partidos nanicos que já estejam comprometidos com outros petistas no Interior, como Luciano Duque, em Serra Talhada, candidato oficial do prefeito Carlos Evandro.

quarta-feira, 20 de junho de 2012

Tráfico proíbe a venda de crack em favelas do Rio

Blog Raul Jungmann

Boca de fumo na favela Mandela põe aviso de que vai proibir a venda de crack: é como uma farmácia anunciando que não vai vender mais remédios de tarja preta.

O tráfico de drogas vai proibir a venda de crack nas favelas do Jacarezinho, Mandela e de Manguinhos. A informação foi publicada na coluna de Ancelmo Gois de hoje com a foto acima. A medida, decidida pela maior facção do tráfico no Rio, ocorre dois meses depois de lançado no Rio o programa "Crack, é possível vencer" -- do governo federal.

A ordem de proibir a venda de crack partiu de chefes do tráfico, que estão presos. A informação vinha circulando pelas comunidades, mas ontem pela primeira vez apareceu o cartaz anunciando a proibição, "em breve", ao lado da cracolândia da favela Mandela, na Rua Leopoldo Bulhões, na chamada Faixa de Gaza.
Os traficantes ainda têm ali cerca de dez quilos de crack. Cada pedra custa R$ 10,00. Há informações de que os criminosos temem que a Força Nacional de Segurança ocupe aquelas favelas, como ocorreu na comunidade Santo Amaro, no Catete, onde está há um mês e já apreendeu 1.513 pedras.
Gostaria que essa decisão se espalhasse por todas as favelas do Rio porque o crack é uma droga devastadora e tem produzido só dor e sofrimento -- diz o líder do Rio de Paz, Antônio Carlos Costa, que desde 2009 faz trabalhos sociais na Mandela.

TSE aprova criação de 30º partido brasileiro

BLog Magno Martins

A criação do Partido Ecológico Nacional (PEN) foi autorizada, na noite de hoje (19), pelo Tribunal Superior Eleitoral – TSE. De acordo com o site Folha.com, o partido não poderá participar do processo eleitoral deste ano. Isso porque, segundo a legislação eleitoral, é necessário que sua criação seja aprovada um ano antes do pleito que deseja concorrer. O número da legenda será o 51.
 
O presidente da mais nova legenda do Brasil, Adilson Barroso, disse que o PEN terá várias frentes de defesa, “mas sempre com o foco na sustentabilidade”. Segundo Adilson, alianças com o governo ou oposição ainda serão definidas a partir das propostas apresentadas por cada lado. "Foi uma luta de cinco anos [para a aprovação]. Fiquei muito feliz porque a decisão veio exatamente na semana em que se discute, mundialmente, a questão ambiental", afirmou, referindo-se à Rio+20.

Devem migrar para o PEN entre 10 e 15 deputados federais, alguns integrantes do recém-criado PSD, o que já garantiria uma liderança na Câmara e colocaria o partido entre os 12 maiores do país. "Seremos muito assediados, porque há um descontentamento muito grande de alguns deputados com seus partidos", afirmou o advogado da sigla, Paulo Fernando Melo. A ex-ministra Marina Silva, ex-PV, será convidada a integrar o partido. "Ela será convidada e, se aceitar, eu passarei a presidência do partido a ela, que se quiser pode se candidatar à Presidência da República pelo PEN", afirmou Barroso.

PSB antecipa o racha previsto para 2014

Blog Inaldo Sampaio

Alianças partidárias não são eternas e a do PSB com o PT pernambucano insere-se nessa regra. Ela já tem mais de uma década, mas o seu prazo de validade está se encerrando. O desmonte está previsto para amanhã ou sexta-feira quando o governador Eduardo Campos comunicar ao povo do Recife que o PSB terá candidato próprio à sucessão do prefeito João da Costa. Com isso, frustram-se as expectativas do senador Humberto Costa de disputar a eleição com o apoio dos socialistas.

Conforme o próprio senador, esse rompimento estava previsto para ocorrer em 2014 quando o PT lançará um candidato a governador contra o candidato do PSB. O candidato do PT seria o próprio senador ou, numa hipótese menos provável, o deputado federal João Paulo. Que, por equívoco, não “estadualizou” o seu mandato quando foi prefeito do Recife por oito anos. No entanto, o governador quer fazer agora esse enfrentamento a fim de poder aferir o seu tamanho político na capital.

Se seu candidato for vitorioso, ele assumirá a hegemonia da Frente Popular na mais importante cidade de Pernambuco, onde o PSB sempre foi frágil. E se por acaso perder para Humberto Costa, disporá do tempo necessário para recompor sua relação com o PT. O que parece cada vez mais clara é a disposição manifestada por ele de se afastar paulatinamente dos petistas sem que isso implique, necessariamente, um rompimento político com Lula e a presidente Dilma Rousseff.